P, M e C

Carta aberta à equipe Verhum.

 

Queridos, lá se vão quase três anos de caminhadas por esses corredores da clínica no Lago Sul e na Asa Norte também.
Lembro até hoje da primeira consulta com a Dra. Natália. Chegamos cheios de medos e dúvidas, mas com uma grande esperança de que elas fossem esclarecidas.
As maiores dúvidas e perguntas nunca foram esclarecidas e tivemos que aprender, com muita teimosia, que era assim mesmo. Tem coisas na vida que não se explica. Apenas se vive e se faz um esforço para que tudo fique bem.
Não foi fácil, mas foi engrandecedor. E, com o tempo, não ficou mais fácil, mas ficou mais leve. E essa leveza veio, em grande parte, de uma equipe disposta a acolher.
Da nossa querida médica Natália, que algumas vezes contou com queridos colegas para nos ajudar (a mais que especial Dra. Valéria, a linda Dra. Mariana e, por fim, a doce Dra. Anna Luiza), à equipe de enfermagem mais doce e preparada que já conhecemos.
Das recepcionistas que faziam mágica para encaixar horários necessários à equipe de orientação e de biólogos que viu lágrimas, viu raiva e sempre nos devolveu calma e paciência. Dos anestesistas que, com todo zelo, proporcionavam “a melhor parte”, à equipe da administração e da copa, que não mediam carinho e atenção. Todos, para nós tiveram um papel muito especial nessa caminhada.
Poderíamos enumerar os dias e momentos vividos e agradecer noma a nome. Mas tenho medo de sermos injustos com alguém. E o principal é que vocês formam juntos uma equipe muito legal! Cada um fazendo a sua parte, sem deixar de olhar o todo e olhando especialmente, o paciente. São fortes assim!
No dia da grande notícia, Dra. Natália fez questão de me contar que estavam todos comemorando. Nós não sabíamos se chorávamos, se sorríamos ou se era tudo um sonho.
Foi uma longa caminhada. Mas eu, P., tenho certeza de que ela foi essencial para minha própria vida. E foi uma caminhada possível graças a vocês todos. Vocês juntos nos ajudaram a ter fôlego para seguir.
Agora seguimos com a queridíssima Dra. Narayana! E esperamos encontrar com vocês por, pelo menos, mais quatro ou cinco meses. Até o “grande dia”.
Um Feliz Natal para todos e que 2018 seja um ano de engrandecimento e melhoras para todos nós, com muita paz e saúda.
Aguardamos ansiosamente pela “Clarice” da vida que chegará em 2018. Mais uma vez, nosso muito obrigado!

 

P, M e C, que chegará à Vida em 2018.